Anatel vai bloquear IPs de servidores que fornecem IPTV piratas

Anatel vai bloquear IPs de servidores que fornecem IPTV piratas

SEM "GATONET". O desligamento será feito de forma remota, sem que as prestadoras de serviços tenham de entrar na casa do usuário.

Governo Lula retira Brasil de declaração internacional contra aborto
Câmara Municipal de Bonito aprova voto de repúdio contra a Compesa

Numa ofensiva contra a pirataria da televisão por assinatura, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) determinou o bloqueio de cerca de 5 milhões de decodificadores clandestinos em uso no país.

O desligamento será feito de forma remota, sem que as prestadoras de serviços tenham de entrar na casa do usuário. A determinação tem início imediato e ocorre após a Anatel receber um grande volume de denúncias de pirataria generalizada de televisão a cabo, conhecida popularmente como “gatonet”.

Atualmente, diversos aparelhos clandestinos são oferecidos em sites de comércio eletrônico, geralmente sob o nome de TV Box, com preços de R$ 150 a R$ 450. Segundo a Anatel, as páginas que oferecem os dispositivos também incorrem em crime e podem ser punidas.

Segundo a agência, quem produz e comercializa os aparelhos clandestinos comete cinco infrações: uso de equipamento não homologado, transmissão clandestina de telecomunicações, uso indevido do serviço de TV por assinatura, prejuízo à ordem econômica e à concorrência e risco à segurança cibernética.

FONTE: JORNAL DO COMMERCIO

COMMENTS

WORDPRESS: 0